Parece mentira sumanos, mas, infelizmente não é.
Familia carente em SSBV teve mais um de seus filhos levados pela falta de respeito e pela omissão do governo inePTo do município.
Familiares e amigos da menina Valéria, que morreu tragicamente por conta da inoperância de quem devia fazer a manutenção dos bancos da belíssima Praça da Matriz há apenas duas semanas atrás (leia aqui) , estão revivendo a dor e a revolta.
Katlen (apenas 2 anos), irmã da pequena Valéria, morreu nesta madrugada vitima de traumatismo craniano.

OS FATOS
Ao acidentar-se a menina teve uma forte lesão na testa. Levada ao hospital municipal de SSBV, foi atendida pela equipe de enfermagem. Sem equipamentos (raio-x, tomógrafo e etc..) para uma melhor análise do quadro de saúde da mesma, fizeram sutura e a encaminharam pra sua residência. Na tarde de ontem (12) a menina deu entrada novamente no hospital municipal com forte dores e inchaço no local do ferimento, quadro agravado pela falta de melhores cuidados e procedimento correto por parte da equipe do hospital. Sem recursos, o hospital municipal pretendia transferir a pequena paciente via avião hoje cedo para Belém, pois, no momento da entrada ontem ( por volta dàs 17 hs) não mais seria possível o pouso e decolagem  na improvisada pista de pouso da cidade. Nenhum outro esforço foi feito por parte da gestão para transferi-la, mesmo que de lancha para Breves, cidade com mais estrutura no HRM.
Resultado de tanto improviso e descaso: A morte da pequena Katlen.

O blog mais uma vez se solidariza e espera desta vez que alguém me responda:
A culpa é de quem ?