Sempre que posso questiono o número alto de viagens urgentes pra remoção de pacientes que dão entrada no hospital municipal de São Sebastião da Boa Vista. Neste mês de janeiro já foram 4 viagens. Destas, duas são de SSBV e as outras duas são de municípios limítrofes., uma de Oeiras do Pará e outra de Limoeiro do Ajuru. É certo que não se pode negar auxílio nestas horas de necessidade, mas…. a pergunta fica no ar !