A Polícia Civil de Breves, município do Arquipélago do Marajó, prendeu na manhã de quarta-feira (27) três homens envolvidos no assalto à sede da Prefeitura de Bagre, na mesma região. Eles se preparavam para praticar novos assaltos nos rios do Marajó. Os presos são Luís Carlos Pereira Machado, Miguel Alves da Cruz e Sandro do Socorro Monteiro Ferreira. Outros dois homens, identificados como Zaca e Leonel, estão envolvidos no crime. Ambos estão sendo procurados pela polícia.
De acordo com o delegado Marcelo Luz, titular da Superintendência Regional das Ilhas, há informações de que os dois teriam fugido para Macapá, no Estado do Amapá. As investigações mostraram que Luís Carlos é o responsável pelo planejamento e execução do roubo. O delegado contou que os três homens foram encontrados na área portuária de Breves.
Com os presos, os policiais apreenderam R$ 7.745,00 do dinheiro roubado da Prefeitura; um revólver calibre 38; um quilo de chumbo usado para munição; cartuchos para pólvora e um barco avaliado em R$ 16 mil, comprado com o dinheiro roubado.
A embarcação tinha um motor avaliado em R$ 8 mil, além de alimentos, calçados e remédios. Levados à sede da Polícia Civil, os presos foram interrogados e confessaram a participação no roubo. Com os R$ 200 mil roubados da Prefeitura, um dos foragidos – Leonel – comprou duas casas, uma em Breves e outra em Macapá.
FONTE: Ag. Pará