O plenário da Câmara Municipal de Oeiras do Pará recebeu bom público nas galerias.

O reinício dos trabalhos na Câmara Municipal de Oeiras do Pará – presidida pela Vereadora Malena Batista/PMN – foi prestigiado na ultima quinta-feira (20) com a presença do prefeito do município, Ely Batista, que proferiu mensagem aos legisladores oeirenses, esperando contar mais uma vez no novo ano com a parceria do poder legislativo, para que juntos possam garantir o desenvolvimento do município e expandir a cidadania.

Ely com a primeira-dama e pres.da Câmara, Malena Batista

Após ser vítima de linchamento público no último final de semana,  devido a apreensão feita pela policia civil de veículos com placas clonadas, na operação “Sátyro” , Ely Batista aproveitou a oportunidade para esclarecer sobre caso.
“Os carros que encontraram em minha propriedade foram comprados dentro dos trâmites legais, o dolo e a má fé foi de quem vendeu os veículos” ressaltou Ely.
Em um jornal de grande circulação na capital, o advogado do prefeito, Manoel Machado, contestou a matéria publicada no mesmo jornal em dia anterior, que dizia que Ely Batista teria fugido do município pouco antes do início da operação policial.
“Tecnicamente não tem como ele (Ely) estar foragido, pois não existe mandado judicial de prisão” disse o advogado à reportagem.
Na terça-feira (18), o prefeito Ely Batista em companhia de seu advogado, esteve na Delegacia Geral da Policia Civil, em Belém, para dar esclarecimentos.
“Estou tranqüilo quanto a minha culpabilidade e provarei na justiça que também fui vítima desta quadrilha”, conclui Ely.
A redação do blog agradece ao prefeito e a sua assessoria pelos esclarecimentos.
Isso comprovou o comprometimento do prefeito em trazer à tona a verdade acerca do caso da apreensão dos veículos em sua residência.