A Rede Celpa vai contratar mão-de-obra local para a construção do Linhão do Marajó, atendendo ao pedido da governadora Ana Júlia Carepa. A meta é que a obra estruturante, no valor total de R$ 473 milhões, gere emprego e movimente a economia no arquipélago. A confirmação foi dada nesta terça-feira, 6, ao secretário de de Integração Regional do Pará, André Farias, pelo vice-presidente de Operações e pelo diretor de Projetos Especiais da empresa, José Alberto Cunha e Luiz Bressan, em audiência na Seir.
Farias explicou que será iniciado o recrutamento dos trabalhadores, através da Prefeitura de Portel e das Secretarias de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes) e de Trabalho, Emprego e Renda (Seter). Os operários também serão qualificados através do programa Bolsa Trabalho.

Fonte: Ag. Pará