O Ministério Público do Estado encaminhou recomendação ao prefeito municipal de Chaves, Ubiratan de Almeida Barbosa para que seja afastada a coordenadora da Comissão do “Festival do Vaqueiro e do Pescador Marajora”, a vereadora Vera Lúcia Alves de Barros, que também é primeira-dama do município, devendo ser designada outra pessoa que não tenha ligação com a administração para coordenar o evento.
A parlamentar e primeira-dama do município organiza o Festival desde 1997 sem jamais ter feito prestação de contas à sociedade ou aos órgãos fiscalizadores municipais. O Promotor de Justiça da Comarca de Chaves, Manoel Adilton Peres de Oliveira, também considera que a permanência da vereadora Vera Lúcia Alves Barros na coordenação do evento constitui ostensiva promoção pessoal da mesma.
O MPE também recomenda que a autoridade divulgue os termos da recomendação e encaminhe resposta para a promotoria de justiça no prazo de três dias informando sobre o cumprimento a determinação, sob pena de adoção de providências judiciais e extrajudiciais aplicáveis. (Ascom/MPE)