Desde do fim do governo militar e com a abertura política em 79 até 89 e, com a consolidação da democracia ,o MR8 foi perdendo seu rumo ideológico e político , onde não se encontrava mais com um objetivo. Para não deixar a instituição acabar, eles se sentiram obrigados a se vender ao PMDB na campanha eleitoral de 82, como forma de continuar suas ações, passando a ser um braço do PMDB. hoje MR8 possui uma política de aparelhamento em algumas entidades estudantis e sindicatos ,como é caso da UMES-SP , UMES-BH , mais o seu poder está acabando, cada dia mais vai se incorporando ao PMDB. Alguns integrantes partiram para o PT, mas com a criação deste novo partido, quem não têm compromisso histórico ou ideológico com o Partido dos Trabalhadores, irão pegar seus trapinhos e se bandiarem.

Tomara !!!