Nove municípios paraenses foram contemplados com recursos do Ministério da Saúde para a construção de academias de ginástica. O total liberado para o Pará chega a R$ 1,5 milhão. Ananindeua é o maior beneficiado, com R$ 360 mil – os demais são Anapu, Castanhal, Garrafão do Norte, Gurupá, Irituia, Nova Esperança do Piriá, Redenção e São João de Pirabas. Os recursos foram liberados para os municípios na semana passada, conforme publicação do Diário Oficial da União (DOU).
São R$ 14,3 milhões distribuídos a 92 municípios de 20 Estados, mais o Distrito Federal.
Os beneficiados tiveram propostas aprovadas para a construção de Academias da Saúde. Cada proposta tem o valor fixado em R$ 80 mil, R$ 100 mil ou R$ 180 mil. Segundo o governo federal, os recursos serão transferidos do Fundo Nacional de Saúde para os fundos municipais. Inicialmente, cada município recebe 20% do total. As demais parcelas serão repassadas a medida que forem apresentados comprovantes da conclusão das etapas.
 Os projetos devem ser finalizados em até 24 meses. Depois da construção, os municípios que possuírem Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) também deverão se habilitar ao repasse de R$ 3 mil mensais para custeio com capacitação, pagamento de profissionais e material de consumo. Quem não tem NASF, receberá o valor anual em única parcela, de R$ 36 mil. Todos são obrigados a manter pelo menos um profissional de nível superior para cumprir carga horária de 40 horas semanais ou dois, com jornada de 20 horas semanais, cada.
O Ministério da Saúde aposta nas Academias de Saúde, tanto as que estão sendo construídas, como as já existentes e que estão cadastradas no órgão, como um instrumento de combate às doenças crônicas, hoje responsáveis por 72% das mortes no Brasil e em geral associadas à hipertensão, diabetes, obesidade e sedentarismo. O programa foi lançado em abril do ano passado e prevê a construção de espaços adequados à prática de atividade física, orientação nutricional, oficinas de artes cênicas, dança, palestras e outras ações de estímulo à vida saudável.