Lívia Rodrigues é paraense e bióloga. Estreou como intérprete em 2003, cantando clássicos do samba e do choro no show “Branca no Samba” ao lado regional Gente de Choro. Desde então, participou das apresentações do referido grupo, tornando-se rapidamente uma cantora respeitada e admirada, por seu timbre delicado e indiscutível afinação. Bastante requisitada no cenário musical paraense, apresenta-se em bares, eventos, e shows de outros artistas. Foi premiada como melhor intérprete no festival de Santarém Novo (PA) em 2005 e com o terceiro lugar no tradicional festival de Ourém (PA) em 2007. Em 2006, a convite da Secretaria Executiva de Cultura do Pará, gravou pelo selo discográfico Pará Instrumental seu primeiro Cd, intitulado, URBANA, sob direção musical do compositor e arranjador Floriano, somado aos arranjos de base de Paulinho Moura e Luiz Pardal. No repertório, inteiramente voltado para a música paraense, interpreta canções de compositores consagrados como o maestro Waldemar Henrique, além de Paulinho Moura, Floriano, Jorge Andrade, Marcelo Sirotheau, Vital Lima, Felipe Cordeiro e Leandro Dias. Bastante elogiado dentro e fora do Estado do Pará, “URBANA” reforça o compromisso de Lívia Rodrigues com a produção cultural do Pará e com a música brasileira.