Extraído do Blog Parsifal 5.3

Na esteira de uma ação civil pública intentada pelo promotor de justiça Daniel Barros em desfavor do prefeito de Concórdia do Pará Elias Santiago (PT), o juiz local determinou, ontem (08) o afastamento do prefeito, da secretária de Educação, Carmen Santiago (esposa do prefeito) e da secretária de Meio Ambiente Marizete do Carmo.
Continue lendo (AQUI)

NOTA DO BLOG
Peço desculpas aos leitores por postar informações de outro município “não marajoara”. Achamos importante, pois, trata-se de uma gestão petista. O PT que sempre foi defensor da ética e moralidade, vem acumulando em seu currículo partidário diversas ações de improbidade e má gestão de recursos públicos..