Marinha instala gratuitamente cobertura no eixo do motor dos barcos para evitar acidentes com escalplamento. — Foto: Jorge Abreu/G1

A Capitania dos Portos da Amazônia Oriental começa nesta quarta-feira (17) na região do Marajó, no Pará, uma ação de enfrentamento ao escalpelamento, acidente com o eixo do motor dos barcos, que arrancam os cabelos das mulheres. A ação segue até o dia 3 de novembro e conta com a participação da Secretaria de Saúde Pública do estado e integrantes do Espaço Acolher.
 Durante 18 dias, a equipe vai percorrer os municípios que apresentam os maiores índices de registro do acidente, que são: Muaná, Curralinho, Breves, Melgaço e também Limoeiro do Ajuru. Na programação, serão realizadas palestras sobre a prevenção de acidentes com escalpelamento e instalação de coberturas de eixo do motor aos ribeirinhos.
 Na ocasião, a Marinha vai capacitar o Corpo de Bombeiros de Breves para realizar futuras instalações de coberturas que serão cedidas pela Capitania dos Portos.
 A Marinha informa que a sociedade pode participar desse esforço de fiscalização, informando qualquer situação que possa afetar à segurança da navegação, a salvaguarda da vida humana ou que represente risco de poluição ao meio hídrico, por meio do Disque Emergências Marítimas e Fluviais: (91) 3218-3950 ou (91) 99114-9187 (aplicativo de mensagem instantânea).

Fonte: G1/Pará