Fiquei muito gratificado com o contato feito pela Gestora em Programas Ambientais da Fundação Villas-Bôas (Paris-França), Carla Cristina C. Daher, nos solicitando apoio preliminar pra ajudar na elaboração dos projetos a serem instalados no arquipélago em 2011. Paulo Miranda,(Breves), do site www.vozdomarajo.com é outro colaborador informal. Assim, poderão ter um termômetro do que acontece na realidade.
Uma das principais realizações da expedição, é a implantação de bibliotecas nos municípios marajoara (municípios nucleares)
Disse Carla: “Quanto às bibliotecas, esse é um dos projetos que pretendemos levar para aIlha.São bibliotecas standarts, destinada ao publico infanto-juvenil como auxiliar na educação escolar. De didaticos à atualidades e Educação ambiental.
A ideia é fazer as bibliotecas funcionarem ligadas às escolas.
Chama-se Biblioteca Kurumim. Espaço para 10 pessoas, cerca de 1500 titulos, jogos educativos, 1 globo terrestre etc.
Outro projeto a ser implantado é o “Saude ribeirinha”, ecosaneamento – instalação de banheiros secos, potabilização de agua (familiar), Educação sexual, prevenção de DSt’s, prevençao à malaria, combate a mortalidade infantil, triagem de lixo etc. São projetos de muita simplicidade e eficacia.
Alem destes temos o “verde legal”, hortas caseiras e comunitarias, enfase em medicina natural, compostagem, educação ambiental. O programa é extenso em se tratando das necessidades basicas do Marajoara. “