O Tratamento Fora de Domicílio (TFD), instituído pela Portaria nº 55 da Secretaria de Assistência à Saúde do Ministério da Saúde, é um instrumento utilizado por pacientes portadores de doenças de alta e média complexidades eletivas que precisam sair do município de origem em busca de atendimento médico. No entanto, o que deveria ser a solução vem sendo um tormento para enfermos de Salvaterra, na Ilha do Marajó, já que eles recebem da Secretaria Municipal de Saúde apenas a metade da ajuda de custo repassada pelo governo federal à administração municipal.

A denúncia foi feita por um cidadão de Salvaterra ao email presidente.contracorrupcao@orm.com.br, criado pelo presidente das Organizações Romulo Maiorana, jornalista Romulo Maiorana Junior. O denunciante acompanha o sofrimento da própria mãe na tentativa de se tratar de uma insuficiência cardíaca.

leia mais: http://dariopedrosa.com/?p=5067