Edinaldo Vales Ferreira foi preso por policiais civis da Delegacia de Curralinho, município do arquipélago do Marajó, acusado de estuprar uma adolescente de 13 anos. O crime teria ocorrido na cidade de Abaetetuba, na região do Baixo Tocantins, no nordeste do Pará.
O delegado, Lucas Machado de Sales, da Delegacia de Curralinho, informou que a prisão de Edinaldo Ferreira resultou de uma trabalho conjunto entre Unidades Policiais da região do Marajó. O acusado foi preso no momento em que estava dentro de uma embarcação no porto de Curralinho, de onde pretendia fugir do Pará.
O acusado teve mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça por crime de estupro de vulnerável, contra uma adolescente de 13 anos, que teria sofrido os crimes sexuais no convívio com ele, em Abaetetuba. A partir da denúncia do crime, e após as investigações, a polícia de Abaetetuba requereu ao juízo a prisão preventiva de Edinaldo, que fugiu de Abaetetuba.
Após passar por Curralinho, explica o delegado Lucas de Sales, Edinaldo possivelmente partiria para o estado do Amapá. “A equipe da Polícia Civil de Curralinho reconheceu Edinaldo, enquanto ele estava, em uma embarcação, no porto de Curralinho, e o interceptou”, disse o delegado. Agora, Edinaldo está na Delegacia de Polícia de Curralinho, de onde será levado para o Sistema Penitenciário.

Fonte: O LIBERAL