As espingardas foram apreendidas após um longo trabalho de investigação da polícia (Foto: Ascom/ Polícia Civil)

A Polícia Civil apreendeu na última quarta-feira (23) três espingardas ilegais em uma casa no município de Breves, no Marajó. O proprietário da residência foi detido na operação. Segundo os policiais, as espingardas de calibres 16, 20 e 28 foram encontradas depois de uma série de investigações que apontavam indícios de porte ilegal de armas no local.
 De acordo com a polícia, o proprietário da casa onde estava o armamento foi encaminhado para delegacia do município para prestar depoimento, Logo em seguida, o homem foi liberado. Segundo o delegado Diego Máximo, que coordenou a operação, o acusado alegou que era o dono da casa, mas que quem mora no local é seu filho. A polícia instaurou inquérito para investigar a propriedade das armas e o objetivo de uso das espingardas.
 Segundo o delegado, essa ação faz parte de uma série de outras ações de prevenção do crime realizadas pela Polícia Civil na região de Breves. No último dia 11, a Polícia Civil visitou comunidades da zona rural do município para prestar orientações preventivas à comunidade sobre crimes. Serrarias foram inspecionadas e algumas casas e barcos foram revistados.
 A polícia reitera que quem tiver alguma informação sobre alguma ação criminosa no município pode entrar em contato com o Disque Denúncia pelo número 181. O anonimato é garantido.

Fonte: G1/Pará