Entre 2000 e 2007, o Pará registrou 24.511 óbitos em crianças com menos de um ano de idade. Para reduzir, no mínimo, em 5% ao ano a mortalidade infantil, especialmente a neonatal, o Ministério da Saúde assinou, nesta segunda-feira (27), um pacto com o Governo do Pará. Entre os 14 municípios paraenses prioritários, Breves está entre eles. A idéia é aumentar o numero de leitos na neonatologia e aumentar o numero de banco de leite.